O verbo trazer é um verbo irregular, apresentando alterações nos radicais e nas terminações quando conjugado. O radical traz- transforma-se em trag-, trar- e troux-: que eu traga, eu trarei, eu trouxe.

Podia ter trago?

A forma correta é “eu tinha trazido“. A palavra trago não pode ser usada como particípio do verbo “trazer”.

É correto dizer eu trago?

O correto é dizer “trazido”, pois essa é a única forma do particípio do verbo trazer. Na língua padrão a forma “trago” não é aceita. Veja: Não pare agora...

TRAGO OU TRAZIDO? Qual a forma correta?

Qual a diferença entre podia ou poderia?

Ambas as formas existem, porém pertencem a tempos verbais diferentes. Na linguagem falada, é bastante comum as pessoas dizerem "podia" ao invés "poderia", até por ser uma palavra mais simples.

É correto falar eu tinha pagado?

As duas formas são corretas. Pagar é um verbo com dois particípios passados: um regular - pagado - e outro irregular - pago. Pagado é utilizado nos tempos compostos com os verbos auxiliares ter e haver: - Ele já tinha pagado a conta.

Tinha pago ou havia pago?

Prefira o particípio regular nos tempos compostos com os auxiliares ter e haver: Ela tinha pagado a fatura do cartão de crédito. Ele havia pegado a conta. Ele havia gastado todo o dinheiro.

Podia ou poderia Qual o certo?

A forma correta de escrita é podia de acordo com a Língua Portuguesa. Podia é a primeira e terceira pessoa do singular do pretérito imperfeito do indicativo do verbo poder.

O que significa podia?

Significado de Podia Podia vem do verbo poder. O mesmo que: conseguia, lograva, suportava, aguentava, tolerava, expunha.

Qual é o significado da palavra poderia?

Significado de Poderia Poderia vem do verbo poder. O mesmo que: conseguiria, lograria, suportaria, aguentaria, toleraria, exporia.

Porque abrido é errado?

A grafia correta é aberto. A palavra abrido não existe e não pode ser usada como particípio do verbo “abrir”.

Tinha abrido a porta?

Errado: Eu tinha ABRIDO a porta. Correto: Eu tinha ABERTO a porta. O particípio do verbo abrir NÃO aceita duas formas, isto é, abrir não é um verbo abundante. A única forma correta, neste caso, é aberto.

O que significa a palavra abrido?

O mesmo que: destampando, destapando, penetrando, perfurando, abduzindo, franqueando, furando,...

Tinha imprimido ou impresso?

Neste caso, a forma correta é impressa. No entanto, imprimir é um verbo com dois particípios passados: um regular - imprimido - e outro irregular - impresso. O particípio regular é utilizado nos tempos compostos com os verbos auxiliares ter e haver: - Ele tinha imprimido a folha.

Devia ter trazido ou trago?

É inaceitável, portanto, o uso da forma “trago” como particípio: "Perguntou à aluna se ela tinha trago o trabalho." Diga sempre TINHA TRAZIDO, HAVIA TRAZIDO, FOI TRAZIDO.

Tinha dito ou Dizido?

O particípio passado de dizer é dito e só esta forma é a correcta. "Dizido" é uma forma que ocorre só na linguagem infantil ou na de pessoas que começaram a aprender português como segunda língua.

Qual é a diferença entre poço e posso?

Significa o ato de ter capacidade, direito ou autoridade. Tudo posso naquele que me fortalece. Eu já posso comprar aquele carro. A palavra poço, por sua vez, é um substantivo masculino que dá nome a cavidade profunda, utilizada para extrair água e outras substâncias do subsolo.

Como substituir a palavra considerando?

5 concebendo, imaginando, supondo, pressupondo, presumindo, tomando, conjecturando, conjeturando, especulando. Exemplo: Você continua considerando que a situação será ainda pior do que parece?

Devia ter ou deveria?

Estão, contudo, conjugadas em diferentes tempos verbais. Devia está conjugado no pretérito imperfeito do indicativo. Deveria está conjugado no futuro do pretérito do indicativo. Dever significa ter de, precisar, necessitar, carecer, agradecer, ter que.

Como se escreve poderias?

As duas palavras existem na língua portuguesa e estão corretas. Ambas são formas conjugadas do verbo poder na 3ª pessoa do plural. Estão, contudo, conjugadas em diferentes tempos verbais. Podiam está no pretérito imperfeito do indicativo e poderiam está no futuro do pretérito do indicativo.

Poderia nos enviar é correto?

Tanto podemos escrever em enviar-nos como em nos enviar. Com uma diferença: em enviar produz um em-en, ou seja, uma cacofonia – que se desfaz pela colocação do pronome entre a preposição e o verbo.