“Pôde” e “pode”: ambas são corretas Assim sendo, “pôde” e “pode” existem na Língua Portuguesa, mas devem ser utilizados de maneiras diferentes. “Pôde”, com acento circunflexo, é o pretérito perfeito do verbo “poder”; já a forma “pode”, sem acento, é a forma do presente do indicativo do mesmo verbo.

Qual a diferença entre forma e forma?

O acento diferencial e o novo acordo ortográfico Antigamente, o acento circunflexo era usado para diferenciar a palavra forma(o aberto)da palavra fôrma(o fechado). Contudo, a reforma ortográfica de 1971 aboliu a utilização de acentos diferencias, como em fôrma e forma, almôço e almoço, comêço e começo,…

E por ou por?

Na língua portuguesa as duas grafias estão corretas, porém os seus significados são diferentes e devem ser utilizadas em situações diferentes. Mas resumindo, “por” é uma preposição, enquanto que “pôr” é um verbo.

E para ou para?

A forma correta é para, sem acento gráfico. Esta forma do verbo parar deixou de ser acentuada graficamente, mas continua a pronunciar-se da mesma maneira.

Quem puder ajudar frases?

“Vamos ajudar o próximo, o próximo pode ser você.” Haverá situações em que sozinho você será aniquilado, mas com a ajuda dos seus amigos, as coisas vão se resolver. Trate as pessoas como se elas fossem o que poderiam ser e você as ajudará a se tornarem aquilo que são capazes de ser.

Quando eles leem?

Segundo o atual acordo ortográfico, o acento circunflexo não será mais utilizado em verbos com conjugações da 3ª pessoa do plural terminadas em -eem. Antes da reforma ortográfica: eles lêem, eles crêem, eles dêem, eles vêem,… Depois da reforma ortográfica: eles leem, eles creem, eles deem, eles veem,…

Onde usar Pode?

Pôde com acento circunflexo é forma do verbo poder no pretérito perfeito do indicativo. Nesse caso, a palavra é utilizada para indicar uma ação que teve início e fim no tempo passado. Confira alguns exemplos: - Durante aquele show ela pôde realizar o sonho de conhecer Beyoncé.

Pode Pode frases?

Pode e pôde são formas conjugadas do verbo poder em diferentes tempos verbais. Pode está conjugado no presente: Agora ele pode sair. Pôde está conjugado no passado: Ontem ele pôde sair.

Que podem ou pode?

Assim, fica na terceira pessoa do singular. Quando acompanhado de um verbo auxiliar, este também se torna impessoal, assim sendo, deve permanecer no singular. Por isso, a forma correta é: “pode haver consequências”. “Se medidas não forem tomadas, pode haver consequências.”

O que é uma coisa temporária?

Temporária é o feminino de temporário. O mesmo que: efêmera, passageira, precária, provisória, interina, transitiva, transitória.