Os aceleradores lineares modernos fornecem até duas energias de fótons, utilizando tensões elétricas de 6MV a 18 MV, e diversas energias de elétrons(por exemplo, 6 MeV, 9 MeV, 12 MeV, 16 MeV e 22 MeV).

Como se chama a modalidade de radioterapia que utiliza aceleradores lineares para irradiação de tumores?

A radioterapia externa ou radioterapia convencional consiste na irradiação de um determinado volume alvo(tumor)com um feixe de radiação externo(a longa distância)geralmente de raios X ou de elétrons de alta energia produzidos por um acelerador linear.

Qual a fonte de energia utilizada pelos aceleradores lineares?

Existem três modalidades de radioterapia: Teleterapia(tele, do grego “á distância”)ou também chamada de radioterapia externa, é feita com o uso de aparelhos de cobalto ou aceleradores lineares. A braquiterapia(brachys, do grego “próximo”)é usada fonte de radiação em contato direto com os tecidos a serem irradiados.

Quais são as modalidades da radioterapia?

O acelerador linear utiliza raios x de alta energia aplicados sobre o tumor a fim de destruir células cancerígenas e, com sua tecnologia, preserva o máximo de tecidos saudáveis ao redor. O equipamento é o mais usado para tratamentos de radiação de feixe externo para limitar os efeitos colaterais.

ACELERADOR LINEAR POR ACADEMIA DE RADIOLOGIA

Quais as características de um acelerador linear?

Um acelerador linear é um tipo de acelerador de partículas no qual partículas carregadas(elétrons, prótons ou íons)percorrem uma trajetória retilínea, diferentemente de aceleradores circulares ou recirculados.

Quais movimentos O acelerador linear realiza?

Movimentos vertical, longitudinal e lateral da mesa. 9.

Quais os tipos de radioterapia e qual a diferença entre eles?

A radioterapia pode ser aplicada de duas maneiras: externa ou interna. A primeira é mais comum, enquanto a segunda busca atuar de forma mais próxima ao tumor e pode envolver um implante radioativo, solução líquida ou injeção intravenosa.

Quais são as etapas da radioterapia?

Etapas do tratamento da Radioterapia Externa Um médico radio-oncologista examinará o paciente, fará uma série de perguntas para saber tudo o que está ocorrendo com sua saúde e pedirá alguns exames, se necessário. Quando os exames estiverem prontos, serão definidos o tipo e o tempo do tratamento.

O que é radioterapia conformada?

A Radioterapia Conformacional tridimensional consiste em conformar o feixe de radiação à região a ser tratada baseando-se em imagens tridimensionais provenientes de tomografia computadorizada(CT), ressonância magnética(RM)e/ou PET-CT DICON.

Qual a vantagem do acelerador linear?

As vantagens do uso do acelerador linear para radiocirurgia incluem a possibilidade de uso de equipamento instalado para radioterapia convencional, a grande flexibilidade para modificar a geometria do campo e conformá-la à da lesão a ser tratada, a ausência de limites para o tamanho do campo e a possibilidade de ...

Como funciona um aparelho de teleterapia com acelerador linear?

É um aparelho que gera uma forma de radiação, através de corrente elétrica, e o aparelho direciona para a área que se deseja tratar. ... Basicamente, a radioterapia é isso: destruição de tecido por radiação, e o acelerador linear é o equipamento que produz essa radiação a partir da energia elétrica.

Como funciona Cobaltoterapia?

A cobaltoterapia é a utilização terapêutica da radiação emitida pelo isótopo Cobalto-60 como tratamento para o controle de células cancerígenas. É utilizada para tratamento de tumores malignos, e para tratamento paliativo, cujo objetivo é o controle dos danos locais e alívio dos sintomas do câncer.

Qual a diferença entre radioterapia interna e externa?

O objetivo é conformar a dose prescrita para o tamanho e forma do tumor, minimizando-a no tecido saudável adjacente. Enquanto a radioterapia externa libera energia a certa distância do tumor, a braquiterapia trata o câncer pela colocação de fontes radioativas diretamente dentro ou próximo à área do tumor.

Qual é pior quimioterapia ou radioterapia?

A quimioterapia, como já dissemos, apresenta sintomas e efeitos colaterais mais agressivos, que vão desde enjoo, náuseas e cansaço até a tão temida queda de cabelo, anemias e problemas de fertilidade. Já na radioterapia os efeitos estão mais relacionados com a área que está sendo tratada.

O que a radioterapia faz com o tumor?

É um tratamento no qual se utilizam radiações ionizantes(raio X, por exemplo)para destruir um tumor ou impedir que suas células aumentem. Estas radiações não são vistas e durante a aplicação o paciente não sente nada. A radioterapia pode ser usada em combinação com a quimioterapia ou outros tratamentos.

O que acontece depois da radioterapia?

Cansaço: o paciente deve intercalar as atividades cotidianas com períodos de descanso. Algumas pessoas preferem se afastar do trabalho, outras trabalham menos horas no período de tratamento. Reação da pele: a pele que recebe radiação poderá coçar, ficar vermelha, irritada, queimada, tornando-se seca e escamosa.

Quais os cuidados com quem faz radioterapia?

Evite banhos quentes; procure tomar banho com água morna e sabonete não perfumado, de preferência neutro. Seque a pele com leves toques com a toalha, evite coçar a área que está recebendo a radiação. Não use a força do jato d'água do chuveiro ou ducha diretamente na pele irradiada.

Quais são os tipos de tratamento que existem?

São eles: a cirurgia, a radioterapia, a quimioterapia, a hormonioterapia, a imunoterapia, a terapia-alvo e o transplante de medula óssea.

O que é radioterapia paliativa?

Quando um tratamento em Oncologia não se destina ao desaparecimento completo do tumor mas primordialmente ao controle dos sintomas pelo mesmo ocasionado, que pode ser obtido até mesmo com a redução parcial do seu tamanho, diz-se que o tratamento se faz com intenção paliativa.

Qual a finalidade da radioterapia paliativa?

Embora não vise a cura do câncer, o tratamento paliativo pode ser indicado para redução ou diminuição da velocidade de crescimento de tumores ou para redução de sintomas, como dor, sangramento ou compressão sobre órgãos sensíveis. A radioterapia paliativa pode ser indicada para: Aliviar a dor óssea.

Qual é a diferença entre aceleradores lineares é aceleradores em ciclos?

Com relação aos aceleradores lineares, são bem mais fáceis de construir, pois não necessitam de ímãs potentes para manter a trajetória circular(como no caso dos aceleradores circulares)do feixe de partículas, já que elas percorrerão uma trajetória retilínea.

Quais as energias usadas nos tratamentos de teleterapia?

Microondas e radiofrequência. As microondas e radiofrequência são radiações eletromagnéticas, não ionizantes(fig. 9). As microondas são produzidas pela magnetron e lançadas no interior do tubo acelerador, através de um guia de ondas retangular, com frequência da ordem de 3000MHz.