Os fatores de virulência são estruturas, produtos ou estratégias que as bactérias utilizam para “driblar” o sistema de defesa do hospedeiro e causar uma infecção. Alguns estão relacionados com a colonização do microorganismo e outros com as lesões do organismo, como por exemplo as toxinas.

Fikante

Quais os fatores de virulência do Streptococcus mutans?

Os fatores de virulência principais são:(i)a capacidade de colonização do dente e a síntese de glucanos,(ii)a taxa de fermentação de açúcares,(iii)o metabolismo de polissacarídeos como reserva(iv)a capacidade de produção de ácidos,(v)mecanismos de tolerância, e(vi)biofilme e sistema Quorum sensing(QS)[1].

Quais os fatores de virulência do Streptococcus?

Os principais fatores de virulência apresentados pelo S. pyogenes são os de aderência; a cápsula de ácido hialurônico; a proteína M; as enzimas DNAse, C5a peptidase, hialuronidase e estreptoquinase; as exotoxinas pirogênicas; estreptolisinas.

Quais são as principais características de patogenicidade de Streptococcus?

Algumas condições(neoplasias, imunodeficiências e diabetes mellitus)podem predispor adultos a infecções por este patógeno como bacteremia, endocardite, infecções de pele e tecidos moles, pneumonia e osteomielites.

Aula: Microbiologia Médica #8 - Staphylococcus: Enzimas, Toxinas e Fatores de Virulência

Principais sintomas da infecção por Streptococcus pyogenes Os sintomas são os característicos das doenças que pode causar: faringite, impetigo(infecção cutânea que se caracteriza pela formação de pequenas bolhas cheias de pus), escarlatina, febre reumática, entre outras. O recurso à antibioterapia é frequente.

Aula: Microbiologia Médica #8 - Staphylococcus: Enzimas, Toxinas e Fatores de Virulência

São características do gênero Staphylococcus?

As bactérias do gênero Staphylococcus apresentam coloração Gram-positiva e são consideradas agentes patogênicos para os humanos. Organizam-se em grupos que se assemelham à cachos de uvas, com formas esféricas de cocos. Os representantes deste grupo são anaeróbios facultativos, vivem muito bem com ou sem oxigênio.

Quais são as principais características do grupo de bactérias Staphylococcus?

Os estafilococos correspondem a um grupo de bactérias gram-positivas que possuem formato arredondado, são encontradas agrupadas em cachos, semelhante a um cacho de uva e o gênero é chamado de Staphylococcus. Essas bactérias estão presentes naturalmente nas pessoas sem que haja qualquer sinal de doença.

Qual o principal fator de virulência de * Streptococcus pyogenes * que está associado ao desenvolvimento da febre reumática?

Os principais fatores de virulência apresentados pelo S. pyogenes são os de aderência; a cápsula de ácido hialurônico; a proteína M; as enzimas DNAse, C5a peptidase, hialuronidase e estreptoquinase; as exotoxinas pirogênicas; estreptolisinas.

São características do Streptococcus pyogenes?

O Streptococcus pyogenes é uma bactéria com características morfotintoriais de cocos Gram-positivo e catalase negativa, classificada como estreptococo beta-hemolítico do grupo A de Lancefield(EBGA)1.

Como se contrai Streptococcus pyogenes?

Como se pega: o Streptococcus pyogenes pode ser facilmente transmitido de pessoa para pessoa por meio do compartilhamento de talheres, beijos ou secreções, como espirros e tosse, ou por meio do contato com secreções de feridas de pessoas infectadas.

O que são fatores de virulência Cite 3 exemplos?

Fatores de virulência. Aderência microbiana. Resistência aos antimicrobianos. Defeitos nos mecanismos de defesa do hospedeiro.

Quais são os principais fatores de virulência dos fungos?

Ao se tratar de doenças fúngicas, os principais fatores de virulência associados a algumas espécies destes patógenos são o dimorfismo e o dimorfismo invertido. No dimorfismo define-se pela alteração de forma filamentosa para a leveduriformeinduzida por alterações térmicas do ambiente.

Quais são os fatores de virulência das bactérias cariogênicas?

Os fatores de virulência podem ser definidos como as características que tornam um microrganismo patogênico. Assim, o estudo dos fatores de virulência de bactérias cariogênicas tem contribuído para a compreensão dos mecanismos moleculares da patogenia da cárie.

Quais são os principais fatores de virulência do S aureus?

Os fatores de virulência, já descritos no mínimo 15 para S. aureus, são componentes de superfície microbiana que reconhecem as moléculas da matriz extracelular do hospedeiro, 25 toxinas e 20 moléculas de evasão do sistema imune do hospedeiro(Fluit, 2012).

Quais os fatores envolvidos na etiologia da cárie dentária?

Ela só aparece com a interação de três fatores determinantes: hospedeiro(compreende os dentes e a saliva), substrato(dieta cariogênica)e microrganismo(bactérias). Os três fatores determinantes, quando se interagem precisam de um tempo para favorecer na desmineralização do dente.

Qual meio de cultura para Streptococcus pyogenes?

O padrão de hemólise(dos glóbulos vermelhos de sangue)no meio agar de sangue permite destinguir bactérias, tais como Streptococcus pyogenes(causadora da faringite)que causa a lise completa dos glóbulos vermelhos do sangue produzindo halos transparentes à volta das colónias, Streptococcus mutans(causa cárie ...

Quais são as Hemolisinas do Streptococcus pyogenes?

Estreptolisinas são hemolisinas, exotoxinas que provocam lise nos eritrócitos in vitro, e as que são produzidas pela S. pyogenes são: estreptolisina S e estreptolisina O. A estreptolisina S é responsável pela hemólise em torno das colônias de S.

Qual o teste que diferencia Streptococcus pyogenes?

Teste de sensibilidade à bacitracina O teste tem a finalidade de diferenciar S. pyogenes de outras cepas do grupo A ou de outras espécies com colônias β-hemolíticas PYR positivas.

Quais os principais cocos causadores de doenças?

As espécies patogênicas que mais preocupam os cientistas(e também as mais conhecidas)são: Streptococcus pneumoniae, Neisseria gonorrhoeae, Moraxella catarrhalis e Neisseria meningitidis. A seguir, uma breve descrição de cada uma delas.

O que causa Streptococcus positivo?

Infecção do recém-nascido pelo Estreptococos do grupo B A transmissão da bactéria se dá habitualmente após a rotura da bolsa ou durante a passagem do bebê pelo canal vaginal.

Qual a importância da proteína M de Streptococcus pyogenes na prática hospitalar?

Considerado o maior fator de virulência dos S. pyogenes, a proteína M fornece a este patógeno a capacidade de evitar a fagocitose. A proteína M tem a capacidade de se ligar ao fator H responsável pela regulação da via alternativa do complemento.

Qual a classificação do Staphylococcus?

Staphylococcus ou estafilococos são um género de bactérias gram-positivas e um dos mais comuns patógenos do ser humano.

O que é a bactéria Staphylococcus?

Os estafilococos são um tipo de bactéria. A espécie mais frequente é justamente o Staphylococcus aureus, mas existem dezenas de outras. Os estafilococos estão presentes na superfície de pele de cerca de 20% das pessoas, e no nariz de 30% dos adultos, o que é considerado normal.

Que bactéria é essa Staphylococcus?

A Staphylococcus aureus é uma espécie das muitas do gênero dos estafilococos, um tipo de bactéria integrante da flora residente no corpo humano. Normalmente ela permanece no corpo sem causar doenças.

Fikante